segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Grupo cearense é destaque no Festival de Esquetes

Foto: Clarisse Monteiro
___________
Ravi Arrabal
O esquete “Que é isso Maria” foi a grande vencedora do 7º Festival de Esquetes de Cabo Frio, levando nada mais, nada menos, que cinco prêmios na cerimônia de encerramento, realizada na noite de sábado. O esquete do Grupo IFCE recebeu os prêmios de Figurino, Concepção Cenográfica, Ator, Direção e Esquete.
O festival foi um grande sucesso em todos os aspectos. O Teatro Municipal de Cabo Frio esteve lotado durante todos os quatro dias do evento e contou com a participação de grupos de teatro de todo o Brasil. Além das apresentações no Teatro Municipal, o festival esteve presente em alguns bairros da cidade, com o projeto “Festival nos Bairros”, que contou com pintura facil, bola mania, oficina de desenho e capoeira além da apresentação do Grupo Creche na Coxia, com o espetáculo Circo Catatempo.
Outro grande sucesso no festival foi a realização da Arena!, um espaço livre de interferêcia artística que era realizado diariamente na entrada do teatro, durante a formação da fila. Lá foram realizados diversas atividades, como a projeção de fotos da “Mais Ratona Fotográfica”, e curtas do projeto “Cinema Possível”, de Jiddu Saldanha, do grupo de cinema local “Taberna Filmes” e do projeto “Cerbero” do Rio de Janeiro, contando também com performances feitas por integrantes dos grupos participantes do festival . Além disso, no sábado - Dia Nacional do Folclore - o Núcleo de Cultura Popular da Associação Cultural Tributo à Arte e à Liberdade (Tribal) realizou rodas de ciranda e de jongo, animando o público e participantes do festival. A cerimônia de premiação, comandada pela apresentadora Monayra Manon, apresentou os seguintes resultados:
Melhor Figurino: Dami Cruz (“Que é Isso Maria” - Grupo IFCE - Fortaleza/CE)
Melhor Cenário: Danilo Pinho (“Que é Isso Maria” - Grupo IFCE - Fortaleza/CE)
Melhor Texto: Jonas Arrabal (“A Cantora Antropomórfica” - Grupos Mise Em Abyme e As Três Marias -Rio de Janeiro e Cabo Frio/RJ)
Melhor Ator: Jailson Feittosa e Fellipe Revuelta (“Que é Isso Maria” - Grupo IFCE - Fortaleza/CE)
Melhor Atriz: Mariana Jacques (“Flicts” - Grupo Kyo - Belo Horizonte/MG)
Melhor Direção: Danilo Pinho (“Que é Isso Maria” - Grupo IFCE - Fortaleza/CE)
Três Melhores Esquetes: “Que é Isso Maria” - Grupo IFCE - Fortaleza/CE, “Minha Alma É Nada Depois Dessa História -Os Ciclomáticos Cia de Teatro - Rio de Janeiro/RJ” e “Repulsa - Grupo Os Despretensiosos - Niterói/RJ”.
.

Um comentário:

danielavieira disse...

Mereceram..."Que é Isso Maria" foi dos espetáculos mais aplaudidos...
E os integrantes do grupo são uns amores...
O Fê, o Jailson, a Camila e o Mario mereceram estes prêmios...
Parabéns...
E tbm a todos os outros grupos.
O Violeta bem que tentou boicotar, mas o FLICTS está aqui na terra sim...Entre os vencedores...Sem um pingo de REPULSA da platéia, que queriam uma tal CANTORA ANTROPOMÓRFICA que estava louca para se apresentar...Seu nome é Maria? Mas QUE É ISSO MARIA?, veio um grito da platéia e o Circo-LO estava armado...E MINHA ALMA NÃO É NADA DEPOIS DESSA HISTÓRIA.


Parabéns a todos!